skip to main content


Prótese: qual material escolher?

Frente à grande diversidade de materiais disponíveis para a confecção protética, muitos cirurgiões-dentistas ficam em dúvida para realizar uma escolha certeira. Aqui, reunimos alguns fatores importantes para considerar em sua escolha, além de elencar vantagens, desvantagens e características de cada material.   1. Restauração direta ou indireta? Antes de tudo, avalie a quantidade e qualidade do remanescente dental, sua solicitação funcional, quanto o seu paciente está disposto a investir e a passar pelas etapas de um tratamento protético.   2. Restauração indireta: resina ou cerâmica? As resinas são mais acessíveis e apresentam resultado estético satisfatório. Podem ser uma indicação interessante em casos em que desejamos maior absorção de forças oclusais para proteção de um periodonto fragilizado. Entretanto, apresentam suscetibilidade ao manchamento, à perda do polimento e da integridade marginal. Além disso, para aumento da resistência da peça, pode ser necessária a realização de um preparo mais invasivo. As cerâmicas apresentam custo mais elevado, porém com grande ganho estético e funcional.   Continue lendo, entenda as propriedades de cada cerâmica e faça sua escolha com sabedoria! Clique aqui e baixe nosso e-book exclusivo: http://materiais.artworkdentallab.com.br/protese-material

LER MAIS